Mundo: BBC, ITV, Channel 4 e Channel 5 criam streaming único

Leia também

Guilherme Santos
Guilherme Santos
Jornalista e entusiasta no mercado de TV e streaming | guilherme@alemdatela.com

Os canais de TV britânicos BBC, ITV, Channel 4 e Channel 5 irão lançar, a partir do segundo trimestre de 2024, um novo serviço de streaming conjunto. O Freely permitirá aos espectadores assistir ao sinal dos canais por meio de banda larga – uma forma de “preparar a TV ao vivo para a era do streaming”, de acordo com a Everyone TV, que detém a tecnologia.

Siga-nos:
    Whatsapp    Facebook     Twitter / X    

O Freely incluirá canais das quatro emissoras, e deverá adicionar outros canais em breve. Será possível assistir a canais ao vivo, além de conteúdos sob demanda, por meio das smart TVs.

- Publicidade -

Esta não é a primeira vez que emissoras do Reino Unido se unem para se adaptar ao streaming. Há mais de 15 anos, a BBC, ITV e Channel 4 tentaram lançar um serviço de streaming combinado, mas a iniciativa foi bloqueada pela Comissão de Concorrência do Reino Unido.

- Publicidade -

Os canais de TV britânicos BBC, ITV, Channel 4 e Channel 5 irão lançar, a partir do segundo trimestre de 2024, um novo serviço de streaming conjunto. O Freely permitirá aos espectadores assistir ao sinal dos canais por meio de banda larga – uma forma de “preparar a TV ao vivo para a era do streaming”, de acordo com a Everyone TV, que detém a tecnologia.

Siga-nos no     Whatsapp    Facebook     Twitter / X    

O Freely incluirá canais das quatro emissoras, e deverá adicionar outros canais em breve. Será possível assistir a canais ao vivo, além de conteúdos sob demanda, por meio das smart TVs.

Esta não é a primeira vez que emissoras do Reino Unido se unem para se adaptar ao streaming. Há mais de 15 anos, a BBC, ITV e Channel 4 tentaram lançar um serviço de streaming combinado, mas a iniciativa foi bloqueada pela Comissão de Concorrência do Reino Unido.

Curte o nosso conteúdo? Siga-nos também no:
Telegram    Mastodon     Linkedin
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -

Últimas notícias