Em Portugal, CNN torna-se líder entre os canais de notícia

Leia também

Guilherme Santos
Guilherme Santos
Jornalista e entusiasta no mercado de TV e streaming | guilherme@alemdatela.com

A versão portuguesa da CNN, lançada em novembro de 2021, fechou o ano de 2022 como líder absoluta entre os canais de notícia no “país irmão”. Parte do grupo Media Capital, que detém a emissora aberta TVI (vice-líder em audiência), a CNN Portugal se tornou o canal de informação preferido pelos portugueses desde a cobertura da guerra na Ucrânia, em fevereiro de 2022.

Siga-nos:
    Whatsapp    Facebook     Twitter / X    

A CNN Portugal, que substituiu o canal “TVI 24”, se tornou o canal por assinatura líder de audiência em todas as horas, das 06h às 02h, superando o principal concorrente direto, a SIC Notícias, e se posicionando no segundo lugar absoluto entre os canais do gênero na TV paga portuguesa (atrás da CMTV, canal que cobre outros “gêneros” de conteúdo – no passado, por exemplo, exibiu pegadinhas brasileiras apresentadas por João Kléber entre os  seus noticiários).

- Publicidade -

O canal conquistou uma quota de 3,1%, que corresponde a uma audiência média de 66 mil assinantes, e diariamente é vista por mais de dois milhões de assinantes.

Em 2022, o canal garantiu a cobertura jornalística de acontecimentos como a guerra na Ucrânia, a crise econômica, as eleições no Brasil e a morte da rainha da Inglaterra.

- Publicidade -

A versão portuguesa da CNN, lançada em novembro de 2021, fechou o ano de 2022 como líder absoluta entre os canais de notícia no “país irmão”. Parte do grupo Media Capital, que detém a emissora aberta TVI (vice-líder em audiência), a CNN Portugal se tornou o canal de informação preferido pelos portugueses desde a cobertura da guerra na Ucrânia, em fevereiro de 2022.

Siga-nos no     Whatsapp    Facebook     Twitter / X    

A CNN Portugal, que substituiu o canal “TVI 24”, se tornou o canal por assinatura líder de audiência em todas as horas, das 06h às 02h, superando o principal concorrente direto, a SIC Notícias, e se posicionando no segundo lugar absoluto entre os canais do gênero na TV paga portuguesa (atrás da CMTV, canal que cobre outros “gêneros” de conteúdo – no passado, por exemplo, exibiu pegadinhas brasileiras apresentadas por João Kléber entre os  seus noticiários).

O canal conquistou uma quota de 3,1%, que corresponde a uma audiência média de 66 mil assinantes, e diariamente é vista por mais de dois milhões de assinantes.

- Advertisement -

Em 2022, o canal garantiu a cobertura jornalística de acontecimentos como a guerra na Ucrânia, a crise econômica, as eleições no Brasil e a morte da rainha da Inglaterra.

Curte o nosso conteúdo? Siga-nos também no:
Telegram    Mastodon     Linkedin
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -

Últimas notícias