Conheça os participantes da Casa de Vidro do BBB23

Leia também

Ricardo Marques
Ricardo Marques
Entusiasta sobre TV por assinatura e recepção via satélite. Publica sobre o mercado brasileiro, destaques da HBO e Telecine. Doutor em Estudos Literários.

A competição já começou para quatro candidatos ao Big Brother Brasil. Manoel, Giovanna, Paula e Gabriel entraram para a Casa de Vidro nesta terça-feira, dia 10 de janeiro, e disputam duas vagas para o grupo Pipoca.

Siga-nos:
    Whatsapp    Facebook     Twitter / X    

O desafio é conquistar o público e os visitantes do local para conseguir o maior percentual de votos. A partir da escolha popular, um brother e uma sister serão selecionados para entrarem na casa do reality junto com os demais participantes, no dia 16 de janeiro. A votação será aberta no Gshow.

- Publicidade -

Será possível fazer uma visita ao local para conhecer os moradores da residência de muro transparente. Mas quem quiser acompanhar de perto todos os detalhes – para ajudar na sua escolha – poderá acompanhar a rotina dos candidatos da casa de vidro do BBB 23 exclusivamente pelo Globoplay, que terá câmeras instaladas na casa, com transmissão para assinantes.

Conheça um pouco mais sobre os quatro candidatos:

Manoel 
Manoel tem 32 anos e é médico psiquiatra. Sempre gostou de estudar e, na escola, era visto como nerd pelas boas notas. Nascido em Cuiabá, Mato Grosso, cursou Medicina em Barbacena, Minas Gerais, o que considera ter sido um período libertador. “Hoje sou um desbravador da vida que filosofa de manhã e canta funk no rolê de sexta à noite”, descreve-se. Morou em Toronto, no Canadá, e fez estágio num hospital para se especializar na área da Psiquiatria. Hoje, tem uma clínica própria e sua maior luta é contra a psicofobia – discriminação contra doenças psiquiátricas.
Paula 
Natural de Jacundá, no Pará, a biomédica Paula tem 28 anos e trabalha em um laboratório de análises clínicas de sua cidade. Teve uma infância permeada por boas lembranças nas ruas da pequena Jacundá. Aos 16 anos, saiu da cidade para estudar em Goiânia e, aos 20, voltou para a terra natal em função das responsabilidades que tinha em casa. Tem muito orgulho de sempre ter cuidado da mãe e de ter pagado a faculdade do irmão. Depois de um namoro de seis anos, está curtindo a solteirice.
Giovanna
Giovanna tem 25 anos e é natural de Campinas, São Paulo, mas mora atualmente no Rio de Janeiro. É empresária na área de produtos para beleza. Chegou a cursar Direito, mas trancou a faculdade e começou a trabalhar aos 16 anos, quando foi emancipada para fundar com os pais a empresa que até hoje é o sustento da família. Aos 17 anos, os convenceu a morar no Rio com a perspectiva de impulsionar o empreendimento e conta ter conseguido melhorar a vida da família, apesar de ainda passarem por algumas dificuldades. Tem como hobby os jogos online.
Gabriel
Gabriel tem 24 anos e é de Ribeirão Preto, interior de São Paulo. Cresceu com pais separados, mas que sempre tiveram uma boa relação. Enquanto a mãe o mimava, o pai colocava seus pés no chão. Fez faculdade de Administração em São Paulo, mas com o tempo percebeu que o mundo “terno e gravata” não era para ele. Na pandemia, passou um período no interior e resolveu “virar a chave”. Mudou-se para Florianópolis, começou a investir na carreira de modelo e hoje, além da profissão, administra alguns imóveis da família para complementar a renda.
- Publicidade -

A competição já começou para quatro candidatos ao Big Brother Brasil. Manoel, Giovanna, Paula e Gabriel entraram para a Casa de Vidro nesta terça-feira, dia 10 de janeiro, e disputam duas vagas para o grupo Pipoca.

Siga-nos no     Whatsapp    Facebook     Twitter / X    

O desafio é conquistar o público e os visitantes do local para conseguir o maior percentual de votos. A partir da escolha popular, um brother e uma sister serão selecionados para entrarem na casa do reality junto com os demais participantes, no dia 16 de janeiro. A votação será aberta no Gshow.

Será possível fazer uma visita ao local para conhecer os moradores da residência de muro transparente. Mas quem quiser acompanhar de perto todos os detalhes – para ajudar na sua escolha – poderá acompanhar a rotina dos candidatos da casa de vidro do BBB 23 exclusivamente pelo Globoplay, que terá câmeras instaladas na casa, com transmissão para assinantes.

- Advertisement -

Conheça um pouco mais sobre os quatro candidatos:

Manoel 
Manoel tem 32 anos e é médico psiquiatra. Sempre gostou de estudar e, na escola, era visto como nerd pelas boas notas. Nascido em Cuiabá, Mato Grosso, cursou Medicina em Barbacena, Minas Gerais, o que considera ter sido um período libertador. “Hoje sou um desbravador da vida que filosofa de manhã e canta funk no rolê de sexta à noite”, descreve-se. Morou em Toronto, no Canadá, e fez estágio num hospital para se especializar na área da Psiquiatria. Hoje, tem uma clínica própria e sua maior luta é contra a psicofobia – discriminação contra doenças psiquiátricas.
Paula 
Natural de Jacundá, no Pará, a biomédica Paula tem 28 anos e trabalha em um laboratório de análises clínicas de sua cidade. Teve uma infância permeada por boas lembranças nas ruas da pequena Jacundá. Aos 16 anos, saiu da cidade para estudar em Goiânia e, aos 20, voltou para a terra natal em função das responsabilidades que tinha em casa. Tem muito orgulho de sempre ter cuidado da mãe e de ter pagado a faculdade do irmão. Depois de um namoro de seis anos, está curtindo a solteirice.
Giovanna
Giovanna tem 25 anos e é natural de Campinas, São Paulo, mas mora atualmente no Rio de Janeiro. É empresária na área de produtos para beleza. Chegou a cursar Direito, mas trancou a faculdade e começou a trabalhar aos 16 anos, quando foi emancipada para fundar com os pais a empresa que até hoje é o sustento da família. Aos 17 anos, os convenceu a morar no Rio com a perspectiva de impulsionar o empreendimento e conta ter conseguido melhorar a vida da família, apesar de ainda passarem por algumas dificuldades. Tem como hobby os jogos online.
Gabriel
Gabriel tem 24 anos e é de Ribeirão Preto, interior de São Paulo. Cresceu com pais separados, mas que sempre tiveram uma boa relação. Enquanto a mãe o mimava, o pai colocava seus pés no chão. Fez faculdade de Administração em São Paulo, mas com o tempo percebeu que o mundo “terno e gravata” não era para ele. Na pandemia, passou um período no interior e resolveu “virar a chave”. Mudou-se para Florianópolis, começou a investir na carreira de modelo e hoje, além da profissão, administra alguns imóveis da família para complementar a renda.
Curte o nosso conteúdo? Siga-nos também no:
Telegram    Mastodon     Linkedin
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -

Últimas notícias