Apple TV+ estreia a comédia “A máquina do destino”

Leia também

Ricardo Marques
Ricardo Marques
Entusiasta sobre TV por assinatura e recepção via satélite. Publica sobre o mercado brasileiro, destaques da HBO e Telecine. Doutor em Estudos Literários.

O serviço de streaming Apple TV+ estreia nesta quarta-feira, dia 29 de março, a série cômica “A máquina do destino” (“The big door prize”, no título original).

Siga-nos:
    Whatsapp    Facebook     Twitter / X    

Baseada na obra homônima do escritor norte-americano M.O. Walsh, a série conta a história de uma pequena cidade que tem seu destino alterado pela chegada de uma misteriosa máquina que promete revelar o potencial de vida de cada morador.

- Publicidade -

Dusty Hubbard (Chris O’Dowd), um homem de família e professor do ensino médio, aparentemente contente e animado, vê todos à sua volta reavaliando suas escolhas de vida e ambições — baseados no que a máquina diz — e é forçado a questionar se ele é realmente tão feliz quanto pensa. Enquanto se mantém cético em relação à máquina, sua esposa, Cass (Gabrielle Dennis) se entrega ao sonho de que há algo maior para ela fora da cidade.

Como muitos residentes de Deerfield, o casal vive uma vida relativamente segura e descomplicada até a chegada da máquina Morpho. Porém, tudo isso está prestes a mudar quando a comunidade é forçada a confrontar seus objetivos e sonhos não realizados em busca de um futuro melhor.

- Publicidade -

O serviço de streaming Apple TV+ estreia nesta quarta-feira, dia 29 de março, a série cômica “A máquina do destino” (“The big door prize”, no título original).

Siga-nos no     Whatsapp    Facebook     Twitter / X    

Baseada na obra homônima do escritor norte-americano M.O. Walsh, a série conta a história de uma pequena cidade que tem seu destino alterado pela chegada de uma misteriosa máquina que promete revelar o potencial de vida de cada morador.

Dusty Hubbard (Chris O’Dowd), um homem de família e professor do ensino médio, aparentemente contente e animado, vê todos à sua volta reavaliando suas escolhas de vida e ambições — baseados no que a máquina diz — e é forçado a questionar se ele é realmente tão feliz quanto pensa. Enquanto se mantém cético em relação à máquina, sua esposa, Cass (Gabrielle Dennis) se entrega ao sonho de que há algo maior para ela fora da cidade.

- Advertisement -

Como muitos residentes de Deerfield, o casal vive uma vida relativamente segura e descomplicada até a chegada da máquina Morpho. Porém, tudo isso está prestes a mudar quando a comunidade é forçada a confrontar seus objetivos e sonhos não realizados em busca de um futuro melhor.

Curte o nosso conteúdo? Siga-nos também no:
Telegram    Mastodon     Linkedin
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -

Últimas notícias