More

    Adriane Galisteu estreia acima do tom no “Power Couple Brasil 5”

    Recentes

    - Publicidade -

    Olá, internautas

    Neste domingo (09/05), a Record TV estreou a quinta temporada do “Power Couple Brasil”. A atração passa a contar com a apresentação de Adriane Galisteu. Neste ano, o reality show ganha uma versão estendida. 13 casais disputarão um prêmio que pode chegar a um milhão de reais.

    Em sua primeira temporada, oito casais enfrentaram a disputa. As regras também eram outras. Os próprios casais tiravam o outro da competição. Agora, mais uma vez, o público fica com a missão da eliminação. O formato sofreu uma mutação que tira o cerne do programa. Ganhará quem seduzir mais o telespectador. Não, necessariamente, pela desenvoltura nas provas.

    Na edição passada, ainda sob o comando de Gugu Liberato, Nicole Bahls e Marcelo Bimbi conquistaram o prêmio final mais pela fama e fãs. Mariana e Daniel Saullo perderam, mesmo com o desempenho superior.

    Dentre os mais conhecidos, aparecem nove personalidades: Daniele Hypolito (ginasta finalista do Dancing Brasil), Filipe Duarte (participou do talent show Popstars, do SBT, que escolheu os integrantes do BROZ), Pimpolho (integrante do Art Popular, grupo de sucesso dos anos 90), Márcia Fellipe (do hit Deus Me Livre, Mas Quem Me Dera), Li Martins e JP Mantovani (casal “originado” de A Fazenda 8), Renata Dominguez (um dos maiores símbolos da teledramaturgia da Record TV), MC Mirella (integrante da mais recente edição de “A Fazenda”), Jonathan (da “Nova Geração” e ex-companheiro de Antonia Fontenelle) e Thiago Bertoldo, da dupla Thame e Thiago.  Em seu formato original, os casais poderiam ser apenas esses.

    Em sua versão estendida, entraram casais desconhecidos do grande público. A cota ex-De Férias com o Ex permanece nos realities da Record TV. Chegou a vez de Mirela e Yugnir, não conhecidos pelos telespectadores da TV aberta. Há ainda Deborah Albuquerque e Bruno Salomão, DJ Claytão e Medrado, além de Mari Matarazzo e Matheus Yurley.

    Nesta estreia, Adriane Galisteu começou acima do tom na apresentação do reality. Expressou-se de forma demasiada e acelerada. Nos próximos episódios, a veterana apresentadora, que há alguns anos estava afastada da função na TV, deverá encontrar o tom ideal. Além disso, neste primeiro programa, o figurino chamou demais a atenção no vídeo. O coração estampado no vestido, já nada discreto, estourou na tela.

    A dinâmica do jogo, logo no primeiro dia, já forçou faíscas entre os casais. Desnecessário. As desavenças deveriam ocorrer de forma natural durante o confinamento. Além disso, alguns participantes também já forçam situações e não passam naturalidade.

    Agora é acompanhar o desenrolar da quinta edição do “Power Couple Brasil 5”. Começou fora do tom.

    Fabio Maksymczuk

    Latest Posts

    não perca

    spot_img